O BTG Pactual (BPAC11) divulgou nesta segunda-feira (08) um lucro líquido ajustado de R$ 2,263 bilhões, referente ao primeiro trimestre de 2023. O resultado indica um aumento de 10% em relação ao mesmo período de 2022 e um acréscimo de 28% quando comparado ao quarto trimestre.

O retorno sobre o patrimônio líquido anualizado do BTG Pactual caiu para 20,9%, em comparação com 21,5% no mesmo período de 2022. Contudo, houve uma alta em relação ao quarto trimestre, quando o resultado foi afetado pelas provisões não recorrentes relacionadas à Americanas (AMER3), alcançando 16,7%.

As receitas totais da empresa alcançaram R$ 4,8 bilhões nos primeiros meses de 2023 , representando um aumento de 10% em relação ao mesmo período do ano anterior e de 32,3% em comparação ao quarto trimestre. Já o patrimônio líquido totalizou R$ 44,2 bilhões, registrando um aumento de 12,5% em relação ao primeiro trimestre de 2022 e de 4,3% em comparação com o quarto trimestre.

No mesmo período, o Índice de Basileia do BTG aumentou para 15,5%, em comparação com 15% no mesmo período de 2022 e 15,1% no quarto trimestre.

Sobre o BTG Pactual

O Banking and Trading Group Pactual (BTG Pactual) é um banco de investimento brasileiro, especializado em capital de investimento e capital de risco, além da administração de fundos de investimento, de gerenciamento de patrimônio, e de ativos globais – investment banking, wealth management e global asset management.

 O BTG (BPAC11)é uma empresa de capital aberto, administrado por uma aliança, que atualmente possui mais de 290 parceiros e associados, e foi o resultado da aquisição do banco UBS Pactual pelo BTG Investments.

Equipe MI

Equipe de redatores do portal Melhor Investimento.