A Rede D’OR (RDOR3) reportou nesta terça-feira (28) seu lucro líquido referente ao quarto trimestre de 2022. O resultado foi de R$ 282,5 milhões, o que mostra uma queda de 32,7% em comparação com o mesmo período do ano anterior.

Segundo a empresa, o resultado não inclui o consolidado após a compra da SulAmérica, que foi concluída em dezembro de 2022. 

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) foi de R$ 1,216 bilhão, representando uma queda de 3,6% em relação a 2021. 

A receita líquida de Rede D’Or no último trimestre de 2022 foi de R$ 5,751 bilhões, um avanço de 12% frente ao mesmo período do ano anterior. O resultado financeiro ficou negativo em R$ 701,5 milhões no intervalo, apresentando piora de 51,5% quando comparado ao quarto trimestre de 2021.

Segundo a companhia, a piora no indicador está relacionada “à elevação das taxas de juros, em especial o CDI, que encerrou em 3,25% (vs. 1,84% no quarto trimestre de 2021 e 3,31% no terceiro trimestre de 2022), e ao aumento do endividamento médio”.

Dívida da Rede D’or aumenta

Ao final do quarto trimestre de 2022, a companhia possuía um saldo consolidado de dívida bruta de R$ 32,572 bilhões, o que representa um aumento de 13,5% em relação a setembro. 

Esse aumento se deve principalmente à incorporação da SulAmérica, cuja dívida bruta era de R$ 2,770 bilhões. No final do ano passado, a dívida líquida da companhia era de R$ 14,671 bilhões, o que representa um aumento de 15,8% em relação a dezembro de 2021.

 O índice de alavancagem, medido pela relação entre a dívida líquida e o Ebitda, ficou em 2,8x, o que é igual ao trimestre anterior. Comparando com o mesmo período do ano anterior, o indicador atual apresentou um aumento em relação aos 2,6x registrados no quarto trimestre de 2021.

Últimas notícias:

Hapvida (HAPV3) recebe aporte bilionário

Tesla (TSLA34) deve bater recorde de entregas no 1T23

Equipe MI

Equipe de redatores do portal Melhor Investimento.