O Ministério da Agricultura anunciou nesta quarta-feira (16) que as exportações do agronegócio brasileiro alcançaram US$ 9,89 bilhões em fevereiro, o que representa uma queda de 5,6% em relação a igual período do ano passado.

Os três produtos que registraram maior redução no volume exportado foram: soja em grãos (- 1,07 milhão de toneladas); açúcar de cana em bruto (- 615,96 mil toneladas) e trigo (-283,53 mil toneladas).

Ainda de acordo com o Ministério, houve recuo nas exportações em função da redução dos volumes exportados de soja em grãos, influenciado pelo atraso na colheita, apesar da produção recorde estimada pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), em 151,4 milhões de toneladas para 2022/2023.

Açúcar e trigo também apresentaram queda nas vendas externas devido à menor disponibilidade interna para exportação, por causa das preocupações com a safra argentina no caso do trigo, e também a menor moagem de cana-de-açúcar por questões climáticas.

Outros produtos do agronegócio apresentaram balanço positivo

No caminho contrário, os produtos de destaque nas exportações foram milho, celulose, farelo, óleo de soja e carne de frango. As importações de produtos do agronegócio, por sua vez, subiram de US$ 1,25 bilhão para US$ 1,37 bilhão na comparação entre fevereiro do ano passado e fevereiro de 2023 (+7,2%).

No acumulado do ano, as exportações brasileiras do agronegócio alcançaram recorde para o primeiro bimestre, de US$ 20,1 bilhões, com destaque para os embarques de farelo e óleo de soja, carnes de frango e suína, milho e celulose, segundo o ministério.

Veja também:

– Agronegócio em alta: número de investidores de LCA, CRA e Fiagros cresce em 2022

– Imposto de Renda: mais de 1 milhão de declarações entregues

– Investimentos em renda fixa crescem após alta dos juros

– Valores a receber: BC afirma que ainda há mais de R$ 6 bilhões a serem devolvidos

– China: melhora na atividade industrial e varejista indica recuperação econômica gradual

Equipe MI

Equipe de redatores do portal Melhor Investimento.