De acordo com um comunicado enviado à imprensa na última quinta-feira (1º), a holding de geração, transmissão e comercialização de energia Equatorial (EQTL3) declarou que tem avaliado a aquisição de ativos da Light (LIGT3).

Atualmente, a Light enfrenta um cenário de recuperação judicial, com medidas para reestruturar as dívidas, captação de recursos, aumento de capital e possíveis alienações de ativos.

A Equatorial Energia, por sua vez, demonstrou que seu modelo de negócio é baseado na procura incessante por novas oportunidades. Portanto, é uma prática comum para a empresa avaliar regularmente ativos em todas as áreas em que atua.

Veja o comunicado na íntegra:

“Em atendimento ao Ofício, a Companhia considera pertinente esclarecer que, conforme de amplo conhecimento do mercado, o seu modelo de negócios é pautado na busca de novas oportunidades, de forma que é algo natural, no dia a dia da Companhia, analisar constantemente ativos em seus diversos segmentos de atuação, especialmente distribuição de energia e, nesse sentido, cabe destacar que muitos dos ativos avaliados não resultam em negócios fechados.

Nesse contexto, a Companhia confirma que tem avaliado os ativos do grupo Light dentro do processo natural de avaliação de oportunidades conduzido pela Equatorial e, como não houve e não há nenhuma negociação em curso, entendemos que não se faz necessária qualquer divulgação de informações ao mercado.”

Resultados Equatorial (EQTL3) no 1T23

No primeiro trimestre de 2023, a Equatorial (EQTL3) apresentou um lucro líquido de R$ 287 milhões, o que representa uma diminuição de 43,1% em comparação ao mesmo período do ano anterior. O seu Ebitda alcançou R$ 2,4 bilhões no primeiro trimestre de 2023, apresentando um crescimento de 54,8% em relação ao primeiro trimestre de 2022.

Já a margem Ebitda da Equatorial ficou em 22,3% no primeiro trimestre de 2023, o que representa uma redução de 2,3 pontos percentuais em comparação ao primeiro trimestre de 2022. Por fim, a margem líquida atingiu 2,8% no primeiro trimestre de 2023, o que representa uma redução de 8,8 pontos percentuais em comparação ao primeiro trimestre de 2022.

No mercado de ações, os papéis da Equatorial (EQTL3) registraram uma queda de 2,67% nos últimos sete dias, enquanto apresentaram um aumento de 7,72% nos últimos 12 meses.

Equipe MI

Equipe de redatores do portal Melhor Investimento.