A fabricante de chips Nvidia entrou para um seleto grupo de empresas de tecnologia ao atingir um valor de mercado de US$ 1 trilhão na abertura das ações no mercado americano nesta terça-feira (30). Para manter esse valor, as ações da Nvidia precisam se manter acima de US$ 404,86. Às 10h39 (horário de Brasília), os ativos estavam em alta de 5,23%, atingindo a marca de US$ 409,84.

As ações da Nvidia tiveram uma valorização expressiva na semana passada, impulsionadas pelos lucros trimestrais que superaram as expectativas de consenso. Esses resultados favoráveis também influenciaram outras fabricantes de chips, com exceção da Intel. A Nvidia se destaca no setor com estimativas otimistas para o futuro.

A empresa prevê vendas de US$ 11 bilhões apenas no segundo trimestre fiscal de 2024, sinalizando o impacto transformador do amplo uso da inteligência artificial no setor de tecnologia. Essa previsão representa um aumento de 50% em relação às estimativas de consenso, que eram de US$ 7,15 bilhões.

Jensen Huang, fundador e CEO da Nvidia, ressalta a necessidade de uma transformação nos data centers devido à revolução que a tecnologia de IA trará consigo. “O data center de US$ 1 trilhão do mundo é quase inteiramente composto por unidades de processamento central (CPUs) atualmente”, afirmou Huang.

Os chips de IA são desenvolvidos para realizar tarefas de inteligência artificial de forma mais eficiente e rápida. Embora os chips de propósito geral, como as CPUs, também possam ser utilizados em tarefas de IA mais simples, eles estão se tornando menos eficazes à medida que a IA avança, de acordo com um relatório de 2020 do Centro de Segurança e Tecnologia Emergente da Universidade de Georgetown.

Analistas destacam a Nvidia como um exemplo antecipado de como a IA pode remodelar o setor de tecnologia. “A Nvidia forneceu orientações extremamente robustas, que serão ouvidas em todo o mundo, e demonstram a demanda histórica por IA que está ocorrendo atualmente no mercado corporativo e de consumo”, escreveu Dan Ives, da Wedbush.

Com seu valor de mercado alcançando a marca histórica de US$ 1 trilhão, a Nvidia consolida sua posição como líder do setor de tecnologia e revela o potencial transformador da inteligência artificial no mundo empresarial e no mercado consumidor.

(com Associated Press e Estadão Conteúdo)

Equipe MI

Equipe de redatores do portal Melhor Investimento.