O McDonald’s enfrenta uma crise global devido a problemas tecnológicos que afetaram suas operações em vários países, incluindo Japão, Hong Kong, Austrália e Reino Unido. As interrupções no sistema de computadores da empresa forçaram o fechamento temporário de muitos restaurantes, impactando diretamente a experiência dos clientes.

As interrupções no sistema de computadores do McDonald’s resultaram no fechamento temporário de lojas e interromperam os pedidos online e por aplicativo em países como Austrália, Japão, Hong Kong e Reino Unido. No Japão, o país com o maior número de lojas do McDonald’s, quase 3.000 estabelecimentos foram afetados, seguido pelo Reino Unido, com quase 1.500 restaurantes, e Austrália, com pouco mais de 1.000.

Em comunicado à imprensa, a sede global do McDonald’s afirmou que está ciente da “interrupção tecnológica” e que está trabalhando para resolver o problema. A empresa enfatizou que a falha não está relacionada a um incidente de segurança cibernética, mas sim a problemas no sistema de computadores.

Os clientes foram orientados a fazer pedidos diretamente nos balcões dos restaurantes afetados, já que os pedidos online e por aplicativo foram interrompidos. Alguns funcionários tiveram que receber pedidos pessoalmente e comunicar manualmente aos colegas na cozinha o que preparar.

Enquanto isso, o McDonald’s Brasil confirmou que sua operação não foi afetada pelas interrupções globais. Porém, a empresa não forneceu detalhes adicionais sobre a causa ou a extensão geográfica do problema.

Julia Peres

Redatora do Melhor Investimento.