A empresa São Martinho (SMTO3) planeja distribuir R$ 155 milhões aos acionistas como juros sobre o capital próprio (JCP). O valor corresponde a R$ 0,447491795 por ação.

Os investidores que estiverem com ações em sua posse até o final do pregão desta quinta-feira, 22 de junho, terão direito a receber esses créditos. A partir de amanhã, 23 de junho, as ações serão negociadas sem incluir esse direito.

Os pagamentos serão realizados no dia 4 de julho, sem qualquer ajuste monetário. Esse valor será deduzido dos dividendos do atual exercício financeiro da empresa.

São Martinho 1T23

A São Martinho divulgou um relatório do primeiro trimestre de 2023 após o início da safra de cana-de-açúcar, apresentando resultados sólidos. Apesar dos menores rendimentos em termos de TCH (Toneladas de Cana por Hectare) e ATR (Açúcares Totais Recuperáveis), a empresa se beneficiou do aumento dos preços das commodities. 

Sobre a receita líquida, foi registrado um aumento de 14,9%, totalizando R$ 1,7 bilhão, principalmente devido ao aumento significativo na receita do etanol, que cresceu 83% em relação ao ano anterior. Esse aumento foi impulsionado pelo aumento dos volumes vendidos (+40,8% em relação ao ano anterior) e pelos preços mais elevados (+30,3% em relação ao ano anterior).

Além disso, os CBIOs (Créditos de Descarbonização) se destacaram como fonte de receita, compensando os números mais fracos nas áreas de energia, levedura e desenvolvimento imobiliário. Isso resultou em um aumento de 27% no EBIT aj. (Lucro Antes de Juros e Impostos ajustado) em comparação ao ano anterior. No entanto, as margens apresentaram uma queda para 27,2% (-172bps em relação ao ano anterior), devido aos custos mais altos.

No primeiro trimestre, a São Martinho concentrou-se na produção de etanol, mas espera-se uma mudança nessa tendência para o segundo trimestre, devido ao impacto nos preços causado por mudanças nos impostos.

Equipe MI

Equipe de redatores do portal Melhor Investimento.