Em 2023, o PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro cresceu 2,9% frente a 2022, sendo puxado principalmente pelo setor de Agropecuária (15,1%), seguido pela Indústria (1,6%) e em Serviços (2,4%).

Com esse retrospecto positivo para o agronegócio, abre-se a possibilidade de boas oportunidades de investimento em um dos setores que mais cresce no Brasil.

Para auxiliar o investidor na sua tomada de decisão e na construção de uma carteira de investimentos assertiva e diversificada, o Melhor Investimento apresenta as principais ações do agronegócio para investir no setor. Conheça um pouco mais sobre as ações que se destacam neste segmento:

As principais ações do agronegócio para investir

BrasilAgro (AGRO3)

A BrasilAgro é uma das maiores empresas do setor agrícola do Brasil, especializada na aquisição, desenvolvimento e comercialização de propriedades rurais. Seu portfólio abrange desde a produção de grãos até a pecuária, consolidando-se como uma importante player do agronegócio nacional.

A última distribuição de dividendos da BrasilAgro aconteceu no dia 24 de novembro de 2023, no valor de R$3,21 por cota. Em 2024, a empresa registra até aqui um desempenho financeiro abaixo do esperado. No início do ano, a cotação do AGRO3 começou em torno de R$26,04 e atualmente está cotado em R$ 24,00.

Histórico recente de distribuições de dividendos AGRO3

TIPODATA COMPAGAMENTOVALOR
DIVIDENDO24/10/202324/11/20233,21235288
DIVIDENDO27/10/202216/11/20223,23867279
DIVIDENDO07/04/202229/04/20222,01629324
DIVIDENDO27/10/202110/11/20212,62118122
DIVIDENDO16/10/202012/11/20200,70966415

3Tentos (TTEN3)

A 3Tentos é uma empresa voltada para a agropecuária, atuando em diferentes segmentos como sementes, fertilizantes, defensivos agrícolas e comercialização de grãos. Sua atuação integrada ao longo da cadeia produtiva proporciona soluções completas para os produtores rurais, contribuindo para o desenvolvimento sustentável do agronegócio.

O lucro da empresa TTEN3 apresenta uma queda este ano de 2024. No início do ano, a cotação do TTEN3 estava em torno de R$10,78. Além disso, a última distribuição da empresa foi de R$0,12 por cota no dia 05/03/24.

Histórico recente de distribuições de dividendos TTEN3

TIPODATA COMPAGAMENTOVALOR
DIVIDENDO23/02/202405/03/20240,11765600
DIVIDENDO14/02/202327/02/20230,11516374
DIVIDENDO27/04/202210/05/20220,01530444

Agrogalaxy (AGXY3)

A Agrogalaxy é uma empresa com foco em tecnologia e inovação aplicadas ao agronegócio. Seu portfólio inclui soluções digitais, como plataformas de gestão agrícola e monitoramento de lavouras, que visam aumentar a eficiência e a produtividade no campo.

Com última distribuição de dividendos feita em em 05/07/22, no valor de R$0,17 por ação, o AGXY3 registra uma queda este ano em 2024. A cotação inicial do AGXY3 no ano foi de aproximadamente R$3,43.

Histórico recente de distribuições de dividendos AGXY3

TIPODATA COMPAGAMENTOVALOR
DIVIDENDO28/04/20230,03965730
DIVIDENDO29/04/202205/07/20220,16786360

Minerva Foods (BEEF3)

A Minerva Foods é uma das principais empresas do setor de carne bovina na América do Sul, com atuação em diversos países. Seu modelo de negócio integrado, que engloba desde a criação de gado até a distribuição de produtos, a coloca em posição de destaque no mercado global de proteína animal.

O último dividendo pago pela Minerva Foods – BEEF3 foi de R$0,19 por cota no dia 23/08/23. O resultado acumula uma baixa em 2024.

Histórico recente de distribuições de dividendos BEEF3

TIPODATA COMPAGAMENTOVALOR
DIVIDENDO14/08/202323/08/20230,19427383
DIVIDENDO18/04/202302/05/20230,35662843
DIVIDENDO17/08/202229/08/20220,21922045
DIVIDENDO27/04/202209/05/20220,34233081
DIVIDENDO10/11/202125/11/20210,34884350

BRF Foods (BRFS3)

A BRF Foods é uma das maiores empresas de alimentos do mundo, com um portfólio diversificado que inclui produtos de origem animal e vegetal. Seu foco na inovação e na qualidade dos alimentos a torna uma referência no mercado global, contribuindo para o fortalecimento do agronegócio brasileiro.

A BRF Foods fez sua última remuneração aos acionistas com um dividendo de R$0,64 por ação em 15/08/16. No geral, o BRFS3 apresenta um aumento em 2024. A cotação inicial do BRFS3 no ano foi de cerca de R$13,25 e atualmente está em R$17,13.

Histórico recente de distribuições de dividendos BRFS3

TIPODATA COMPAGAMENTOVALOR
JCP12/07/201615/08/20160,64234744
DIVIDENDO10/03/201601/04/20160,12174929
JCP30/12/201512/02/20160,58382768
DIVIDENDO30/12/201512/02/20160,11277393
JCP30/06/201514/08/20150,50243840

JBS (JBSS3)

A JBS é líder mundial na indústria de processamento de carnes, com operações em diversos países. Sua presença global e capacidade de inovação a posicionam como uma das empresas mais importantes do agronegócio, contribuindo significativamente para a economia brasileira.

O último dividendo do JBSS3 foi de R$1,00 por cota no dia 29/06/23. O JBSS3 acumula uma baixa no valor de suas ações em 2024, quando iniciou a cotação negociando na casa dos R$25,17 e atualmente está em R$23,45.

Histórico recente de distribuições de dividendos JBSS3

TIPODATA COMPAGAMENTOVALOR
DIVIDENDO22/06/202329/06/20231,00000000
DIVIDENDO16/11/202224/11/20221,00000000
DIVIDENDO16/05/202224/05/20221,00000000
DIVIDENDO16/11/202124/11/20211,00000000
DIVIDENDO16/08/202124/08/20211,00134118

Kepler Weber (KEPL3)

A Kepler Weber é uma empresa brasileira especializada em soluções para armazenagem de grãos, oferecendo tecnologias e equipamentos que garantem a qualidade e a segurança dos produtos agrícolas. Sua expertise é fundamental para o aumento da eficiência logística no agronegócio.

O último dividendo pago pelo KEPL3 foi de R$0,11 por cota no dia 11/12/23. O KEPL3 acumula uma baixa este ano de 2024. A cotação do KEPL3 iniciou o ano negociando na casa dos R$10,55 e atualmente está em R$10,38.

Histórico recente de distribuições de dividendos KEPL3

TIPODATA COMPAGAMENTOVALOR
JCP28/11/202311/12/20230,06947597
DIVIDENDO28/11/202311/12/20230,04367165
JCP28/08/202308/09/20230,11562353
DIVIDENDO28/08/202308/09/20230,19553243
DIVIDENDO21/03/202305/04/20230,43486056

Marfrig (MRFG3)

A Marfrig é uma das maiores empresas de processamento de carne bovina do mundo, com presença em diversos mercados internacionais. Seu compromisso com a sustentabilidade e a qualidade dos produtos a torna uma parceira estratégica para produtores e consumidores em todo o mundo.

O último dividendo do MRFG3 foi de R$0,91 por cota no dia 28/12/22. Em 2024, o MRFG3 acumula uma alta iniciando o ano negociando na casa dos R$9,65. Atualmente, a empresa negocia suas ações a R$10,00.

Histórico recente de distribuições de dividendos MRFG3

TIPODATA COMPAGAMENTOVALOR
DIVIDENDO19/12/202228/12/20220,90951800
DIVIDENDO19/08/202215/09/20220,75757600
DIVIDENDO13/04/202222/04/20220,58012029
DIVIDENDO21/12/202129/12/20211,25021733
DIVIDENDO10/09/202128/09/20211,40060000

Raízen (RAIZ4)

A Raízen é uma empresa líder no setor de energia, com atuação em biocombustíveis, distribuição de combustíveis e geração de energia renovável. Sua integração com o agronegócio se dá principalmente por meio da produção de cana-de-açúcar, evidenciando a importância do setor sucroenergético para a economia brasileira.

O último pagamento de dividendos do RAIZ4 foi de R$0,07 por cota no dia 28/12/23. A empresa acumula uma baixa este ano de 2024. A cotação do RAIZ4 iniciou o ano negociando na casa dos R$4,08 e atualmente está em R$3,53.

Histórico recente de distribuições de dividendos

TIPODATA COMPAGAMENTOVALOR
JCP20/12/202328/12/20230,07225816
JCP20/12/202331/03/20240,05677427
DIVIDENDO17/10/202326/10/20230,02421046
DIVIDENDO26/07/202304/08/20230,02421062
DIVIDENDO16/03/202327/03/20230,08906571

Com informações de StatusInvest

Por que investir nas ações do agronegócio?

Investir no agronegócio vai muito além da simples compra de terras, pois este setor desempenha um papel fundamental na economia brasileira, contribuindo significativamente para o Produto Interno Bruto (PIB) do país. Em 2023, por exemplo, o agronegócio representou cerca de 24% do PIB nacional, segundo dados do Centro de Estudos Aplicados em Economia (Cepea) em parceria com a Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).

Essa importância se deve não apenas ao crescimento em volume e produtividade, mas também à diversificação setorial que o agronegócio abrange, conectando desde a produção primária até os estágios secundário e terciário, englobando a indústria e a distribuição dos produtos agrícolas e pecuários. Com isso, o agronegócio brasileiro movimentou cerca de R$ 2,63 trilhões em 2023.

Além disso, o mercado de investimentos no agronegócio é diversificado, oferecendo opções tanto em renda fixa quanto variável, atendendo a diferentes perfis de investidores. Além das ações do agronegócio, existem fundos de investimento, Letras de Crédito do Agronegócio (LCAs) e outros exemplos de instrumentos financeiros disponíveis para investimentos nesse setor.

O Brasil se destaca globalmente no agronegócio devido a suas vantagens competitivas, como extensas áreas com alto potencial agrícola e o desenvolvimento contínuo de tecnologias ao longo de toda a cadeia produtiva. Além disso, o aumento recente nas diversas fontes de financiamento ao setor tem impulsionado um crescimento mais sustentável, desde a aquisição de insumos até o transporte e armazenamento dos produtos.

Uma vantagem adicional do agronegócio como opção de investimento é sua resiliência em períodos de crises econômicas, o que o torna uma escolha atraente para a diversificação de portfólios de investimentos. Assim, considerando seu peso na economia, sua diversificação setorial, o mercado robusto de investimentos e sua resiliência, o agronegócio brasileiro oferece oportunidades significativas para investidores interessados em participar desse segmento vital da economia.

Como investir nas ações do agronegócio?

Por fim, pudemos observar que investir no agronegócio é uma oportunidade de crescimento estratégico em um dos setores mais importantes da nossa economia. Existem diversas maneiras investir neste segmento. Confira as 5 principais a seguir:

  1. Cédula do Produtor Rural (CPR): A CPR é um título de financiamento privado no agronegócio, representando a promessa de entrega futura de produtos agropecuários. Investidores são remunerados com juros isentos de IR e IOF durante a aplicação, porém sem garantia do FGC. Além da forma física e financeira, existem modalidades digitais e verdes, esta última focada em financiar práticas de preservação.
  2. Certificado de Recebíveis do Agronegócio (CRA): Semelhante à CPR, o CRA é emitido por securitizadoras, garantindo empréstimos para diversas atividades agrícolas. Pode ser pulverizado, com financiamentos de vários produtores, ou corporativo, respaldado por empréstimos de uma única empresa. Oferece rendimentos prefixados ou pós-fixados, atrelados a índices como o dólar ou a inflação.
  3. Letras de Crédito do Agronegócio (LCA): Emitidas por instituições financeiras, as LCAs levantam recursos para crédito rural, respaldadas pelos empréstimos a empresas agropecuárias. Isentas de IR e IOF, têm rendimentos ligados ao CDI, geralmente oferecendo juros superiores a 100% do CDI para prazos e valores maiores.
  4. Fundo de Investimentos em Cadeias Agroindustriais (Fiagro): Criados em 2021, os Fiagros permitem investimento indireto em imóveis rurais e atividades agrícolas. Podem ser direcionados para créditos agropecuários, terras agrícolas ou participações em empresas. Os lucros podem vir da distribuição de rendimentos ou da diferença entre compra e venda, com alíquota de IR de 20%.
  5. Ações de Empresas do Agronegócio: Investidores podem aplicar diretamente em ações de empresas do setor agropecuário, com opções além das listadas na B3, incluindo frigoríficos e produtoras de papel. Embora seja renda variável e de alto risco, instituições financeiras oferecem produtos como ETFs para aumentar a segurança do investimento.

É importante ressaltar que, ao considerar diferentes formas de investimento no agronegócio, é fundamental contar com o auxílio de um assessor de investimentos. Um profissional qualificado pode oferecer orientações personalizadas, avaliar o perfil de risco do investidor e ajudar na escolha das melhores opções de acordo com os objetivos financeiros.

Pedro Gomes

Jornalista e Redator do Melhor Investimento.